Carreira

Cinco sinais de que sua Inteligência Emocional precisa de reparos

11 de março de 2020

Segundo a SBIE (Sociedade Brasileira de Inteligência Emocional), Inteligência Emocional é a dapacidade de administrar as próprias emoções e usá-las a seu favor, além de compreender as emoções das outras pessoas, construindo relações saudáveis, fazendo escolhas conscientes e adquirindo uma melhor qualidade de vida.

Quem tem Inteligência Emocional sabe pensar, sentir e agir de forma inteligente e consciente, sem deixar que as emoções controlem sua vida e se acumulem de forma a reproduzir ou criar traumas e doenças psicossomáticas.

A Inteligência Emocional também é apontada por diversos autores e especialistas como uma das principais habilidades que serão necessárias e importantes nos trabalhos do futuro.

Daniel Goleman, ph.D., psicólogo e referência em I. E. afirma que pessoas de sucesso têm 66% de suas habilidades conectadas ao Quociente Emocional (QE) e apenas 33% são relacionadas ao Quociente Intelectual (QI). 

Segundo Goleman, o QE é 90% responsável por levar pessoas a cargos de liderança, 58% responsável pela melhora da sua performance no trabalho e é também fator relevante na hora do aumento salarial.

E como analisar como anda a nossa Inteligência Emocional? Se você responder sim a essas 5 perguntas abaixo, você precisa urgentemente melhorar a sua!

1) Você faz julgamentos rápidos?

Pessoas com baixo Quociente Emocional tendem a julgar rapidamente pessoas e situações, pois não tem um bom entendimento de como entender as emoções alheias. São pessoas que tendem a formar uma imagem negativa do outro antes mesmo de conhecê-lo melhor. Infelizmente, acabam formando um imagético não-realista da verdadeira persona de alguém.

2) Você tem dificuldade em aceitar críticas?

Quem tem alto Quociente Emocional costuma levar críticas de uma maneira mais leve, pois tende a reconhecer suas fraquezas e sabe analisar seus altos e baixos. Do contrário, quem tem baixo Q.E. costuma levar qualquer tipo de crítica muito a sério e acaba sofrendo muito com isso.

3) Você frequentemente se sente ansioso ou estressado?

Todo mundo se sente um pouco estressado ou ansioso no trabalho e na vida e está tudo bem. Mas se você frequentemente tem sentido que esses sentimentos tem atrapalhado a sua rotina, pode ser um sinal de que sua Inteligência Emocional anda em baixa e que você tem dificuldade de focar no momento presente e está se apegando demais ao passado ou ao futuro ou a opiniões alheias.

4) Você é um mau ouvinte?

Pessoas com baixa Inteligência Emocional tem também baixa empatia e dificuldade em ouvir o outro para formar diferentes pontos de vista. Uma pesquisa da Harvard Business Review afirmou que líderes que sabem ouvir são reconhecidos como mais confiáveis e inspiram e estimulam a criatividade do seu time.

5) Você acha díficil aceitar seus erros?

Pessoas com alto Q.E. são resilientes e costumam entender seus erros como um aprendizado, esquecendo rapidamente a parte ruim de falhar e levando sempre como uma lição. Já as com baixo Q.E costumam se apegar a seus erros, paralisar e se culpar por tudo que deu errado.

__________

Respondeu sim a mais de 3 dessas perguntas? Não se desespere, todo mundo pode melhorar sua Inteligência Emocional! Ainda bem, é uma habilidade que pode ser desenvolvida e e aprimorada.

Para isso, você pode procurar ajuda de um psicólogo, praticar meditação ou yoga ou começar a ler os livros do Daniel Goleman. O importante é não paralisar e correr atrás! Os resultados virão rapidamente e com certeza irão melhorar a sua vida profissional e pessoal também.